Bem-vindo à Comunidade UBNT

Compatibilidade APs x Switchs

Boa tarde Srs,

Estou para montar uma infraestrutura com APs AC-LR e alguns AC-HD, média de 30, interligando-os vou utilizar por volta de 10 switchs (com outros serviços VoIP e Streaming 720p). 

Estou em dúvida se vale realmente apena utilizar os Switchs da Ubiquit. Andei dando uma olhada na linha US, onde no datasheet informa que é possível o gerenciamento centralizado, porém a conexão com o AC-LR precisa de um adaptador para converter de passivo para ativo o PoE: "Requires Instant 802.3af Gigabit PoE Converter: INS-3AF-I-G or INS-3AF-O-G". Terei esse mesmo problema utilizando outros Vendors ou é uma particularidade desses switchs?

Na linha ES, consigo ter o gerenciamento centralizado ou é individual? A base de comandos da ubiquit segue uma linha CISCO ou é totalmente proprietária para configuração?

Obrigado..
Rotulado:

Comentários

  • Todos os Switches UniFi a partir do modelo US-8-150W, exceto o US-8-60W, suportam todos os padrões de PoE:

    - PoE Passivo 24V
    - 802.3af (PoE)
    - 802.3at (PoE+)

    Obs.: O US-8-60W suporta apenas o padrão 802.3af (PoE).

    Por padrão todas as portas suportam 802.3af/at que são padrões que fazem o cliente negociar com o switch antes de ser efetivamente alimentado. Como o PoE Passivo 24V não é um padrão, então ele não possui nenhuma negociação, por isso você deve fazer sua configuração manualmente na(s) porta(s) desejadas. 

    Todos os novos APs suportam PoE 802.3af ou 802.3at, então com novos equipamentos UniFi essa preocupação já deixou de ser um problema. No entanto, se você tiver APs legados no seu ambiente, é importante verificar se eles suportam apenas PoE passivo, caso contrário não serão alimentados pelos switches UniFi sem que a porta seja devidamente configurada. 

    Em síntese, você pode usar os switches UniFi que não terá problemas...
  • Show.... Resumidamente qualquer switch UniFi com 24/48 portas irá funcionar corretamente sem nenhum adaptador com os modelos UAP AC LR e AC HD.

    Você sabe me dizer vantagens/desvantagens em utilizar switchs da linha UniFi e da linha EdgeMAX ? Já li e reli os datasheets, porém a diferença que consegui encontrar é o gerenciamento unificado por parte dos UniFi e pelo EdgeMAX possuir a CLI para configuração avançada..
  • Vantagens e desvantagens eu digo entre as duas linhas de produtos...
  • UI-SamuelUI-Samuel 984 Pontos
    editado dezembro 2018



  • UI-SamuelUI-Samuel 984 Pontos
    editado dezembro 2018
    A principal vantagem de utilizar switches da linha UniFi é a gerência centralizada via UniFi Controller, ou seja, a mesma tela permite configurar os APs e os switches. Outra vantagem é que os switches UniFi foram projetados para serem o "casamento" perfeito com os APs UniFi, por isso ele vem pré-configurado com todas as portas trunk para facilitar a criação de múltiplos SSIDs nos APs UniFi. 

    Já os switches EdgeSwitch são equipamentos standalone similares aos equipamentos tradicionais, por isso todas as suas portas são pré-configuradas em modo acesso na VLAN 1 (default). Ou seja, será necessário fazer manualmente a configuração de trunk nas portas que tiverem APs UniFi propagando múltiplos SSIDs vinculados com diferentes VLANs, como teria que ser feito em qualquer outro switch tradicional. 
  • Show.. Já entendi qual linha devo seguir... Obrigado
  • Mais uma coisa se puder me auxiliar.... Estou pensando em um ambiente 100% redundante, provavelmente eu vá escolher a linha UniFi, sabes me dizer se no cenário da imagem abaixo, eu consigo criar algum grupo de interfaces, bond, bridge ou algo semelhante? Pois via LACP acredito que não vá conseguir configurar dessa maneira, mantendo redundante, somente se fosse 1 x 1 os switchs.

    No cluster (virtualização) vou utilizar provavelmente proxmox onde terei as VMs de produção + o firewall. A partir delas vou configurar Bond para que seja dividido o tráfego das interfaces para a rede local desenhada abaixo. 


  • Com os switches UniFi e EdgeSwitch você consegue fazer uma agregação de links entre duas ou mais portas com outros dispositivos vizinhos (por exemplo via LACP). No entanto, tenha em mente que os switches não possuem suporte a empilhamento, então não existe a possibilidade de fazer a agregação lógica dos uplinks cruzados dos switches de acesso para dois switches diferentes no core. Apesar disso, você consegue fazer a ligação física dos uplinks dos switches de acesso para os dois switches no core sem agregação lógica, nesse caso o STP irá automaticamente bloquear uma das interfaces para evitar loop na rede. 
  • Resumidamente não irei aproveitar a largura de banda total de 2Gbps, porém terei a redundância com 1Gbps, sendo tratada pelo STP.
  • Sim, seria exatamente isso...
Entre ou Registre-se para fazer um comentário.